You are currently viewing PRODAPE: NIASSA LANÇA O POVOAMENTO AQUÍCOLA DE TANQUES E GAIOLAS

PRODAPE: NIASSA LANÇA O POVOAMENTO AQUÍCOLA DE TANQUES E GAIOLAS

A província do Niassa espera povoar, no âmbito do Projecto de Desenvolvimento da Aquacultura de Pequena Escala (PRODAPE), cerca de 140 tanques piscícolas e 12 gaiolas durante o primeiro ciclo da presente campanha aquícola.

Esta quinta-feira, a província testemunhou, na cidade de Lichinga, o lançamento da campanha de povoamento aquícola, uma iniciativa do Ministério do Mar, Águas Interiores e Pescas, através do Instituto de Desenvolvimento da Pesca e Aquacultura (IDEPA), instituição implementadora do PRODAPE.

Segundo o Director do Gabinete do Governador, Mauro Pius, em representação da Governadora da Província do Niassa, é expectativa do governo provincial que se incrementem os níveis de produção aquícola.

Referiu que o projecto, a ser implementado nos distritos de Lichinga, Mecanhelas e Lago, constitui uma grande oportunidade para as comunidades, uma vez que através do PRODAPE, em toda fase da sua implementação, espera-se criar 2000 novos postos de emprego directos e indirectos na província.

Por seu turno, a Directora Geral do IDEPA, Paula Santana, reiterou o apelo que vem lançando aos beneficiários do PRODAPE no sentido de produzirem peixe e terem capacidade de repovoarem no próximo ciclo, com os ganhos que vão obter.

“Gostaríamos que no próximo ano, existisse o programa da própria comunidade de adquirir a ração e alevinos com o dinheiro deste peixe que vai sair. Esse é o nosso objectivo, esse é o nosso desejo”, instou aos beneficiários a encararem a aquacultura como negócio sustentável.

Os beneficiários agradeceram a iniciativa do Governo e prometem seguir as orientações deixadas. Aproveitaram a oportunidade para pedirem a construção de uma fabrica de ração para o fomento da aquacultura em toda província e financiamento para abertura de mais tanques nas comunidades.